Juan Carlos Maggiorani

 

 

Nasceu em Caracas, Venezuela.

Iniciou os seus estudos musicais no Colégio Emil Friedman com o professor Emil Friedman, continuando a sua formação no Conservatório “Simón Bolívar” e na Academia Latinoamericana de violino com os professores Sérgio Celis e José Francisco del Castillo.

 

Realizou a sua formação de Orquestra no “El Sistema” de Orquestras da Venezuela no Núcleo da Rinconada, e participou nas seguintes orquestras: Sinfónica Juvenil de Caracas, Sinfónica de Chacao, Gran Mariscal de Ayacucho e Sinfónica Simón Bolívar.

 

No ano de 2004 completou a Licenciatura na Academia Nacional Superior de Orquestra em Lisboa na classe do professor Aníbal, e foi admitido na Escuela Superior de Música Reina Sofia em Madrid obtendo uma bolsa de estudo da Fundação Carolina e Albeniz, na classe do professor Zakhar Bron e no Instituto Internacional de Música de Câmara de Madrid na classe do Professor Rainer Schmidt (Quarteto Hagen).

Em 2006 foi considerado como o melhor quarteto da classe de quartetos de cordas do Professor Rainer Schmidt, sendo o diploma entregue pela Rainha Sofia de Espanha.

 

Obteve o 1º Prémio de Música de Câmara do concurso “Prémio Jovens Músicos” da RDP em Lisboa, 1º Prémio de Música de Câmara no ”VI Certâmen de Música de Câmara Rotary Club” em Santander (Espanha) e obteve o prémio especial da melhor interpretação de uma obra de Mozart.

É membro fundador do Quarteto de cordas de Matosinhos, Quarteto Residente da Câmara de Matosinhos desde 2008, vencedor do 2º Prémio no “I Concurso Internacional Música de Câmara Cidade de Alcobaça” e selecionado pela European Concert Hall Organisation para integrar o programa Rising Stars, e como tal realizará em 2014-2015 uma tournée em algumas das mais importantes salas de concerto europeias, como o Barbican em Londres, o Concertgebouw em Amesterdão e o Muzikverein em Viena. Aclamado como um "caso singular de excelência no panorama musical português" (Diana Ferreira, Público, 2010), desde o início todos os seus membros trabalharam no sentido de construir um som único de quarteto de cordas e trazer o grande repertório desta formação ao público.

 

Em 2012 completou o Curso Mestrado em Performance e em Ensino da música obtendo a profissionalização na Escola Superior de Música de Lisboa.

Desde 2007 faz parte do projeto Orquestra Geração, onde lecciona violino, naipe e orquestra e realiza formações com formadores venezuelanos do "El Sistema". Realiza funções de coordenador Regional Pedagógico e Artístico e é Maestro Principal da Orquestra Municipal Geração da Amadora (OMGA). Em 2013 visitou diferentes núcleos do "El Sistema" em Caracas, como o Conservatório Simón Bolivar e o Centro Nacional de Acción Social por la Música, obtendo orientações pedagógicas e estratégias da metodologia. Em 2013 e 2014 participou nos estágios do Sistema Youth Orchestra Summer Camp em Viena e Istanbul como coordenador dos instrumentos de cordas.

 

Juan Carlos Maggiorani

 

 

was born in Caracas, Venezuela.

He started his musical education at the "Emil Friedman" academy with the . He proceeded his studies at the "Simón Bolívar" Conservatory with Eddy Marcano and at the Academia Latinoamericana de Violin with professors Sérgio Celis and José Francisco del Castillo.

 

He had orchestral studies at the Núcleo de Rinconada of the "El Sistema" and was a member of the following orchestras: Sinfónica Juvenil de Caracas, Sinfónica de Chacao, Infantil de Caracas, Gran Mariscal de Ayacucho.

 

He went to Portugal in 2000 to study at the Academia Nacional Superior de Orquestra with professor Aníbal Lima, finishing his undergraduate degree in 2004.

In 2004 he was admitted at the Escuela Superior de Musica Reina Sofia in Madrid, as a scholarship holder from the Carolina and Albeniz Foundations, studying under professor Zakhar Bron, and at the Instituto Internacional de Musica de Cámara de Madrid under professor Rainer Schmidt (Hagen Quartet).

In 2006 he was a member of the best string quartet in Rainer Schmidt's class, recieving the diploma from Queen Sophie of Spain.

 

He was awarded 1st prize at the chamber music division of the "Prémio Jovens Músicos" competiton in Lisbon, 1st prize at the "VI Certámen de Musica de Cámara Rotary Club" in Santander (Spain), as well as the special prize for best Mozart interpretation.

He is a founding member of the Matosinhos String Quartet, resident at the Matosinhos City Hall since 2008, awarded 2nd prize at the "I Concurso Internacional de Música de Câmara Cidade de Alcobaça" e selected as a Rising Star by the European Concert Hall Organization. He will thus tour some of the most important european concert halls in the 2014/15, such as the Barbican in London, the Concertgebouw in Amsterdam and the Musikverein in Vienna. Acclaimed as a "singular case of excellence in the portugueses musical scene" (Diana Ferreira, Público, 2010), since the beginning all the members of the quartet worked towards building a unique string quartet sound and bringing the great string quartet repertoire to audiences.

 

In 2012 he completed his Masters diplomas in Performance and Education, obtaining the profissionalization from the ESML.

He has been part of the "Orquestra Geração" Project since 2007, teaching violin, sectionals and orchestra and working with venezuelan conductors from the "El Sistema". He is now Artistic and Pedagogic Regional Coordinator and principal conductor of the Orquestra Municipal Geração da Amadora (OMGA). In 2013 he visited several centers of the "El Sistema" in Caracas, including the Conservatorio Simón Bolívar and the Centro Nacional de Acción Social por la Musica, also learning new pedagogic orientations and methodology strategies. In 2013 and 2014 he participated in the Sistema Europe Youth Orchestra Summer Camp, with whom he worked in meetings Vienna and Istanbul as coordinator of string instruments.